Sexta-feira, 05.10.12


Eu não me recordo da última vez que alguém te tenha amado de verdade. Dizem que amor só existe quando duas pessoas se amam. Mas isso não significa que eu te tenha amado menos. Eu fui o único homem que te amou.

Sempre soube quem eras e apesar dos defeitos eu não podia negar tal sentimento. Para mim eras tudo o que importava neste mundo.
Fui o teu ombro quando precisavas de carinho, limpei-te o rosto das lágrimas que insistiam em correr, ouvi as tuas palavras duras de sofrimento causado por pessoas a quem chamavas “namorado”. Sempre estive lá, e apesar dos ciúmes, eu os afastava. Porque a tua felicidade era a minha e sempre o será. Tu eras a minha prioridade em todos os momentos, eras o fruto da minha inspiração, razão do meu viver e motivo de todos os meus sorrisos.
Por esse mesmo motivo nunca fui egoísta, e se o fui, foi sem intenção de te magoar. Estar zangado contigo era a pior parte, todas as discussões sem razão aparente. Mas no fundo gostávamos um do outro mais do que tudo.
Estar contigo era a melhor parte do meu dia, apenas te ver era o meu presente. Simplesmente tu.
O que sinto por ti não é errado nem certo. É algo que tem o seu próprio jeito de ser. Eu, simplesmente te amo.
Quando ando na Universidade eu sempre te procuro, e quando vejo algo familiar, sinto aquele aperto. Mas quando és mesmo tu, faço-me de forte, finjo que não me importo mais. Mas o engraçado é que eu estou sempre te procurando.
O mais difícil é estar lutando numa guerra sem ter motivo. Saber que nunca terei teu amor, mas tu terás sempre o meu.
  

Com Amor,
João 



publicado por joao às 21:01 | link do post | comentar | ver comentários (26) | favorito (1)

Sábado, 29.09.12

Tumblr_m8phc0nris1rvaiuqo1_500_large

(...) E sabes porque não digo que os amo? Porque sei que vou acabar por perdê-los. Acaba sempre assim. Não é que eu escolha não amar, apenas escolho ser forte. Eu chamo a isso instinto de sobrevivência.



publicado por joao às 12:26 | link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito

Terça-feira, 18.09.12
Sempre que te vejo, é quando tenho a certeza que tomei a decisão certa.. 


publicado por joao às 20:45 | link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito

Quarta-feira, 12.09.12

Tumblr_m9ok7p0qo31qip73ao1_500_large

Numa coisa posso dizer que sou bom: Esquecer pessoas. Não sei se é defeito, ou Auto preservação. Não sei se nasci ou se fui aprendendo a ser assim. Algumas pessoas são mais fáceis esquecer que outras porque nos deram tanto para recordar. Mas sempre que me lembro, só consigo ver o quanto dói sentir falta delas, o quanto me magoaram. Por isso, é mais fácil fingir que nunca entram na nossa vida por mais memórias que tenhamos, porque a dor parece sempre vencer não importa o quanto amamos essa pessoa.



publicado por joao às 14:52 | link do post | comentar | ver comentários (16) | favorito

Sábado, 08.09.12

Tumblr_m9kcujftsc1rejsjbo1_500_large

Nunca questinei, mas hoje recordei. Memórias. Estavamos a conversar e acabou por me dizer que não posso ir mais abaixo, que devo aprender com os meus erros e com isso construir algo mais forte e fazer um futuro melhor. Disse-me que já bati no fundo, e para isso serve a memória, para nos relembrar de como fácil é ser enganado pela mais simples pessoa, como é fácil perder uma pessoa, como é fácil ser magoado e como é facil cair no dia mais feliz da minha vida.
Temos memória para nos recordar de todo o mal, mas também para nos lembrar de como é bom viver, momentos de divertimento, momentos especiais, felizes. Se não, cometeriamos todos os mesmos erros, e sofreriamos repetidamente até não conseguir mais, e por isso mesmo, nunca conseguiremos na verdade começar do zero. O passado nos assombrará para sempre.



publicado por joao às 20:45 | link do post | comentar | ver comentários (12) | favorito

Sábado, 01.09.12

Amar não é fácil. É quase que irónico a vida. Ela nos ensina coisas de formas que os professores não nos ensinam na escola. Acontece, apaixonamos por uma pessoa. Ninguém escolhe. Mas é difícil amar uma pessoa que não sente o mesmo.
Aquela sensação de que ela é tua para nós, vamos para a cama a pensar que amanhã poderemos vê-la outra vez. Faríamos tudo por ela, porque ela faz parte de nós. Queremos protegê-la do mundo, limpar-lhe as lágrimas, fazer-lhe rir e mostrar-lhe que existe alguém que se importa com ela.
O facto é que um dia percebemos que nunca a poderemos ter, o coração dela tem dono. Percebemos que não a podemos obrigar a amar, mas também não podemos ficar presos a algo que não existe. Afastamo-nos porque por mais feliz que ela nos faz sentir, nada daquilo é real.
Um dia ela é tudo na nossa vida, no outro dia não é nada, um dia o nosso coração que batia por ela já não bate por ninguém. Dói não vê-la, dói não ouvi-la ou saber se está bem. Então chega a um ponto em que a dor é insuportável, só queremos ser felizes, porque merecemo-lo também. Deixamos de sentir e passamos a fingir que nada daquilo nos foi importante, que só passaram de boas memórias do passado, fingimos que o que sentimos por ela nada passou de uma partida do nosso coração e esperamos que isso se torne verdade um dia.



publicado por joao às 20:18 | link do post | comentar | ver comentários (13) | favorito

Sexta-feira, 24.08.12

Tumblr_lxhxxfvsdp1qjl5hfo2_500_large

Talvez um dia te esqueça, ou melhor, consiga viver sem ti ou já não chore mais ao sentir a tua falta.



publicado por joao às 13:43 | link do post | comentar | ver comentários (18) | favorito

Terça-feira, 14.08.12

Tumblr_m7xfasypel1raam2ao1_500_large

Eu te amo demais. E se você ama alguém, deixe-a livre. E se voltar, então é sua. 



publicado por joao às 19:07 | link do post | comentar | ver comentários (18) | favorito

Segunda-feira, 13.08.12

Tumblr_m48fl8gx9j1rwn46ao1_500_large

Eu não gosto que ninguém dependa de mim para ser feliz, porque eu não dependo de ninguém para o ser também. Não tenho cara de bengala para servir de apoio a ninguém, e não tenho cara de palhaço para fazer rir alguém. Entendeu?



publicado por joao às 21:01 | link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito

Terça-feira, 07.08.12

Tumblr_m7xwj8npy01r0t3aeo1_500_large

Eu te amo, e eu vou sempre te amar. Mas eu não te quero amar. Eu quero ser feliz.



publicado por joao às 19:07 | link do post | comentar | ver comentários (21) | favorito


evolusi. <body>
IT'S MY TIME!
tumblr
segue-me
perfil cria
Tumblr_m8feqywrjp1r6dbp1o1_500_large