Sábado, 02.06.12

As vezes penso se não estou a cometer erros atrás de erros, mas depois penso que só saberei se é errado quando experimentar e acho que é isso viver. Acho que é isso que querem dizer, quando dizem que devemos arriscar. Se não arriscamos também não saberemos o que perdemos ou o que poderemos vir a ganhar.  



publicado por joao às 10:10 | link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito

Terça-feira, 22.05.12


Eu esforço-me para ser feliz, por vezes penso que me esforço demais. Mas também me disseram que a felicidade encontrava a gente, mas eu estou sentado e esperando e nada. Portanto tenho que fazer alguma coisa, não? 



publicado por joao às 20:59 | link do post | comentar | ver comentários (15) | favorito

Terça-feira, 01.05.12


Eu não gosto de despedidas, envolvo-me demais, dedico-me aquelas pessoas e depois magoa ter de dizer adeus. O mais dificil é encontrar as pessoas certas, porque dói, mas o problema é encontrar as palavras certas para não as magoar também. Talvez não existam tais palavras, talvez tenha de ser mesmo assim. Mas a questão não é só essa, no momento da despedida pode não magoar tanto como julgavamos, mas as saudades que depois vamos sentir dessas pessoas, talvez seja essa a questão de tanto sofrimento. Pensamos como serão os dias, sem eles, a falta que sentiremos deles todos os dias. 

Olhamos para cada capitulo da nossa vida como uma aventura, mas em cada capitulo existem sentimentos, pessoas que sem querer nos apaixonamos. Essas pessoas, sem requer, vão mudar a forma como pensarás da vida, ensinar-te-ão como é bom viver, como divertido pode ser. Farão de ti uma pessoa melhor. E mais tarde olharemos para todos estes momentos com um sorriso na cara



publicado por joao às 20:44 | link do post | comentar | ver comentários (9) | favorito