Terça-feira, 22 de Novembro de 2011

Eu não possuiu o dom da palavra, confesso. Não controlo o tempo, mas os momentos que possuímos fluem de uma forma espontânea, e disso já é suficiente para me sentir orgulhoso. São instantes o tempo que partilhamos, mas incrivelmente a importância que tens para mim.
As palavras que agora te dedico não são fáceis, esforço-me para que saiam naturalmente, admito. Estas mesmas palavras o vento um dia vai levar, a tinta da caneta com que escrevo, a chuva vai apagar. Ou até mesmo o papel vai ficar velho e gasto, como nós.
Por isso, é essencial que escutes com atenção, que as memorizes e principalmente que as sintas. Preciso que saibas o quanto te amei enquanto vives-te e o quanto me fizeste bem quando me abraçavas.
Tudo se transforma, pessoas que amamos um dia partiram, árvores secarão, a casa que conheces-te em criança cairá. As cartas que escrevíamos um ao outro desapareceram com os anos.
Não importa se fique velho ou para onde viaje, não importa o quanto errei na vida ou o quanto o mundo mude, vou sempre recordar o momento em que te disse cada palavra como se fosse Presente. E o sentimento com que as escrevi e te dediquei será ainda o mesmo como se nada tivesse trasnformado, nem mesmo o tempo. Enquanto o fim não se aproxima, deixa-me abraçar-te e dizer-te o quanto preciso de ti.

    



publicado por joao às 19:26 | link do post | comentar | favorito

13 comentários:
De Tay a 22 de Novembro de 2011 às 22:47
Adorei o post. :D


De meninapequenina. a 25 de Novembro de 2011 às 16:23
Gostei.
Nunca esquecemos os grandes amores.O tempo nunca consegue apagar tudo o que vivemos.


De hope a 25 de Novembro de 2011 às 18:47
Heeei não gozes páh! Só és 2 anos mais velho que eu, grande diferença! Está comprovado ciêntificamente que as raparigas têm uma mentalidade 3 anos mais velha do que a idade real, ou seja neste caso tenho 19 anos, psicologicamente hahaha xD

Vá, eu vou contigo ao cinema ver outra vez o filme xD


De Miriam ∞ a 25 de Novembro de 2011 às 19:52
ahahahah , sempre é uma boa solução xD


De Annye . a 25 de Novembro de 2011 às 20:14
Pois é :)

Isso é q é amor ! :b


De dolcescrittora a 25 de Novembro de 2011 às 23:14
não sei se estarei à altura de tamanho elogio (decerto que não), mas são influências, de facto. Obrigada!
é raro ver um rapaz que escreva assim. Mas o segredo está aí: "esforço-me para que saiam naturalmente" e de alma. Deliciei-me com este texto porque notei isso: há alma neste texto, há carinho e amor. por isso, atingiste o objectivo :)


De p;αndяαde. ॐ a 26 de Novembro de 2011 às 02:06
nem tudo. xd


De W and Jazz a 26 de Novembro de 2011 às 21:49
Adorei! Tens muita razão, o verdadeiro amor, e mesmo a verdadeira amizade depois de muitos anos o sentimento permanece igual como se nunca nada tivesse mudado, e até com a mesma intensidade,


De W and Jazz a 26 de Novembro de 2011 às 21:50
Adorei! Tens muita razão, o verdadeiro amor, e mesmo a verdadeira amizade depois de muitos anos o sentimento permanece igual como se nunca nada tivesse mudado, e até com a mesma intensidade.
Beijoss


De * wild * a 27 de Novembro de 2011 às 11:23
Exatamente. Isto é a apenas uma fase (:
---
Amei o teu texto *-*


Comentar post